Cinema com comida, drinks e sofá retrô: conheça o Drive-in

Cinema com comida, drinks e sofá retrô: conheça o Drive-in

Para se sentir em casa, basta se acomodar. Mas para se sentir também em um cinema com inspiração vintage e filmes “pop-cults” vá a sala Drive-In no cinema da  rua Consolação: o Caixa Belas Artes.

Junto com a também jornalista, Bianca Yukari Horimoto, resolvi fazer essa “matéria-experiência” e dizer o que encontramos por lá, já que a proposta dos idealizadores do Drive-In seria a experiência de estar em um local com a atmosfera de um cinema diferenciado.

Então, confira o que pode te esperar:

 

1 – Escolha de lugares 

Como em qualquer cinema, a sala Drive-In disponibiliza a compra antecipada dos ingressos pela internet ou bilheteria.  Nesta sala você possui três opções de lugares: Setor Super Luxo, Setor de Luxe, Setor Passeio.

Foto: Ali Karakas / Reprodução-Facebook (Setas meramente ilustrativas)
Foto: Ali Karakas / Reprodução-Facebook (Setas adicionadas para a ilustração dos lugares, nesta matéria)

Cada setor possui um valor diferenciado, variando conforme o dia da semana. Como fomos em uma noite de segunda-feira (sem carteirinha de estudante – que eles aceitam), pagaríamos por um valor mais barato pelo Setor Super Luxo do que em finais de semana ou feriados. Porém, ao realizarmos a compra um dia antes do dia da sessão,  por serem os lugares mais disputados, não conseguimos o Super Luxo, então, fomos de De Luxe, também com a vantagem de um precinho camarada por estar entre segunda e quarta.
A atendente da bilheteria nos informou que para a compra de tais lugares (Super Luxo) é recomendado comprar com mais antecedência, pois são apenas seis lugares na sala.

O legal é que todos esses bancos são originais de carros antigos, como o Impala, Cadillac, Galaxie e muitas outros clássicos. Daí o nome que inspirou a sala.

Foto: Bianca Yukari Horitmoto
Foto: Bianca Yukari Horimoto

A sala também possui  poltronas clássicas de cinema, que ficam ao fundo.

Informamos que os “sofás” são duplos, então, caso você vá sozinho, provavelmente irá dividir com alguém. Eles são numerados e durante a compra, você pode escolher um dos lados do “sofá” ou os dois lugares.

 

2 – A sala Drive-In

Confesso que, enquanto esperava a abertura da porta da sala 3, com mais ou menos outras 60 pessoas (o lugar acomoda 83), fiquei ansiosa pelo que me aguardava. Assim que a moça que confere os ingressos abriu a porta da sala Drive-In, vimos no hall de entrada, uma decoração nas paredes com uma cortina aveludada vermelha e fotos em preto e branco de ícones do cinema como Alfred Hitchcock, Charlie Chaplin e Audrey Hepburn.

Ao adentrar a sala, o primeiro impacto são com os bancos dos carros, logo em seguida as luzes piscando na parede e a cozinha/bar instalada ao fundo da sala com balcão e cadeiras altas.  As luzes nas paredes da sala são os faróis dos carros de todos os tipos e que passam a impressão de farol alto e farol baixo quando acendem, mais um detalhe que remete ao Drive-In.

A sessão começa após 30-40 minutos da abertura da sala (para que você consiga fazer e receber o seu pedido tranquilamente). Não pense que você ficará sem ter entretenimento durante esse tempo, pois no telão foi exibido desenhos como Bob Esponja, Pink e o Cérebro e alguns clipes de músicas dos anos 90.

Giphy.com
Giphy.com

Filme começando, faróis apagados.

 

3 – De milkshakes e cerveja a macarrão com queijo, bolinhos de arroz e churros  –  Gastronomia do Riviera Bar 

Ir ao cinema e comer um balde de pipoca é tradição, mas no Drive-In, você tem a oportunidade de comer outras coisas e fazer o pedido dentro da própria sala de cinema. É um saco ficar com aquela vergonha de entrar com comidinhas de outros lugares e  na fila do cinema as pessoas ficarem te olhando. Lá todo mundo come, bebe e dá risada.

Fomos as primeiras a fazer o pedido, pois como o nosso era um prato e não aperitivos ou lanche, ficamos preocupadas se daria tempo de pegar antes do filme começar. A chef nos disse que levaria 25 minutos para ficar pronto. Pedimos dois pratos: Lebowski (Mac & Cheese – macarrão com queijo), Rocky (Medalhão de Filé com purê de batata doce  e queijo azul do bosque) e de sobremesa o Alien (churros com doce de leite). Pegamos o pager e fomos assistir o que passava no telão, aguardando.

Foto: Bianca Yukari
Foto: Bianca Yukari Horimoto

 

O legal dos cardápios é que todos os drinks, bebidas e sobremesas tem o nome de algum filme ou figura icônica do cinema. São dois: o de comidinhas e o de bebidas.

Divulgação Cinema Caixa Belas Artes
Divulgação Cinema Caixa Belas Artes

 

Após 40 minutos de espera, fomos até o balcão perguntar sobre os nossos pedidos, que estavam sendo finalizados. Com as luzes já apagadas, nos encaminhamos para o nosso “sofá”. Para comer tivemos que usar como apoio a bandeja de alumínio, e o único porta copos para o assento duplo. Tivemos dificuldade para conciliar o escuro com o fato de comermos sem um apoio fixo, mas para quem preferir, pode se deslocar de seu assento para o balcão com as cadeiras no fundo da sala.

Foto: Bianca Yukari Horimoto
Foto: Bianca Yukari Horimoto

 

O que mais vimos rodando pelas bandejas na sala foram os aperitivos, hambúrgueres e palitinhos, opções mais práticas para se consumir durante o filme e rápidas pois o tempo de espera é menor que o do prato, uma vez que os pedidos não seguem a ordem da fila, e sim, o tempo de preparo.

 

A sala de cinema do Drive-In é uma opção diferenciada de lazer, tanto para ir sozinho, de casal ou com amigos. É um ambiente agradável em que não se curte somente o filme, mas a experiência de degustar, sentir e conhecer um lugar em que você deve ir pelo menos uma vez na vida.

 

Colaboração: Bianca Yukari Horimoto

Matéria de referência:
Cinema Caixa Belas Artes ganha sala inspirada nos antigos drive-ins

 

SERVIÇO – Caixa Belas Artes – Sala Drive-In

ONDE?

Rua da Consolação, 2423, São Paulo, SP – Sala 03

QUANTO?

De quinta a domingo e feriados: R$ 30 e R$ 15 (meia) para o Setor Super Luxo R$ 28 e R$ 14 (meia) para o Setor De Luxe R$ 26 e R$ 13 (meia) para o Setor Passeio
Segunda-feira (exceto feriados): R$ 22 e R$ 11 (meia) para o Setor Super Luxo R$ 20 e R$ 10 (meia) para o Setor De Luxe R$ 18 e R$ 9 (meia) para o Setor Passeio
Terça e quarta (exceto feriados): R$ 24 e R$ 12 (meia) para o Setor Super Luxo R$ 22 e R$ 11 (meia) para o Setor De Luxe R$ 20 e R$ 10 (meia) para o Setor Passeio

Sobre o autor

Cinéfila, que ama Star Wars e viciada no gênero terror. Jornalista e documentarista que tem um doc. no Youtube (Se inscreve lá: Bruna Blumfeldt) com mais de 30 mil views.Geek, amiga das drags e apaixonada pela diversidade de São Paulo. Ah, e adora pipoca com mms!

Comentários