Festival do Café acontece de 29 a 31 de agosto no Centro Histórico

Festival do Café acontece de 29 a 31 de agosto no Centro Histórico

Evento acontece de 29 a 31/08, com participação de 18 cafeterias da região central da cidade e shows musicais variados

Não é por acaso que São Paulo foi chamada na história de “cidade dos barões do café”. A própria pujança econômica da metrópole vem de uma época em que o café era o principal produto produzido.

Mas, até hoje, o paulistano também é um apreciador da arte de beber café. E ainda nesta semana, mais especificamente de 29 a 31 de agosto (quinta a sábado), vai ser possível percorrer a histórica região central da capital paulista fazendo justamente isso: bebendo café.

O Festival do Café, uma iniciativa da Secretaria Municipal do Turismo, alia as principais cafeterias da região central ao prazer de assistir a shows intimistas e passear pelo Triângulo SP, o chamado Centro Histórico da cidade, compreendido entre a Praça da Sé, o Largo São Francisco e o Largo São Bento.

“O Triângulo SP é um recorte dos principais pontos turísticos do Centro Histórico. O festival é uma iniciativa para que o paulistano conheça a região e a relação que esses atrativos têm com a história do café”, comenta o Secretário de Turismo, Orlando Faria.

Assim, além das 18 cafeterias que participam do festival, os interessados que se aventurarem pelo Centro Histórico de quinta a sábado vão curtir também shows de jazz, blues, MPB, bossa nova e até moda de viola.

Clique aqui para conferir as cafeterias participantes e seus endereços e consultar também a programação musical do Festival do Café.

Fonte: Prefeitura de São Paulo

Observação: o Sobreviva em São Paulo não se responsabiliza por possíveis mudanças nas informações acima, que são válidas até esta data.

Sobre o autor

Publicitário, especializado em Marketing e Comunicação Integrada. Amante da vida, encantado por pessoas e suas singularidades. Fã inveterado de filmes de terror, ouvinte assíduo de música jamaicana e rock pesado. Vive uma relação de amor e ódio com São Paulo. E, claro: Vai, Corinthians!

Comentários