Linha de ônibus que liga o Aeroporto ao metrô São Judas foi modernizada

Linha de ônibus que liga o Aeroporto ao metrô São Judas foi modernizada

Desde o último domingo (16), os passageiros que embarcam e desembarcam no Aeroporto de Congonhas passaram a ter mais comodidade em suas viagens de ônibus. A linha 609J/10 Aeroporto – Metrô São Judas foi reestilizada, passando a ter mais viagens, menor intervalo entre cada ônibus e mais espaço interno para acomodação de bagagens. O objetivo da SPTrans com a medida é aumentar a oferta de transporte público na ligação com o aeroporto.

A frota que opera no Aeroporto foi substituída e os veículos novos são mais modernos, contando com acessibilidade, internet por Wi-Fi, ar-condicionado e espaço interno para bagagens.

A linha também teve aumento de viagens e redução nos intervalos, que passarão a ser de oito minutos durante toda a operação, diminuindo o tempo de espera nos pontos. Nos dias úteis, seu horário de funcionamento ganhará uma hora a mais, passando a operar até as 23h40 todos os dias.

Os ônibus que operam neste trajeto não têm catraca, somente validadores para a cobrança da tarifa, que tem o valor regular de R$ 4,40, aceitando Bilhete Único. Um auxiliar de bordo fica no interior do ônibus para efetuar a cobrança e orientar os passageiros.

Para ajudar os passageiros a identificarem os ônibus com destino ao Aeroporto, a frota tem comunicação visual diferenciada, com a inscrição “Conexão Congonhas” e o mapa do trajeto. Para utilizar a linha partindo do aeroporto, os passageiros devem se dirigir ao piso inferior, plataforma B, que também conta com sinalização especial.

Fonte: SPTrans

Observação: o Sobreviva em São Paulo não se responsabiliza por possíveis mudanças nas informações acima, válidas até a data de publicação.

Sobre o autor

Publicitário, especializado em Marketing e Comunicação Integrada. Amante da vida, encantado por pessoas e suas singularidades. Fã inveterado de filmes de terror, ouvinte assíduo de música jamaicana e rock pesado. Vive uma relação de amor e ódio com São Paulo. E, claro: Vai, Corinthians!

Comentários