Ressaca Blues: dois shows gratuitos no Centro de SP

Ressaca Blues: dois shows gratuitos no Centro de SP

Eventos têm parceria do Sesc Florência de Abreu, sendo que o público poderá curtir apresentações dos músicos Robson Fernandes e Carlos Café

 

No final de fevereiro, o Pátio Metrô São Bento, centro comercial, cultural e gastronômico a céu aberto no Centro de São Paulo, apresentará ao público o projeto musical Ressaca Blues. Serão dois shows gratuitos com muito rock e blues na Praça da Colmeia. As apresentações, que serão sempre das 13h30 às 14h30, são realizadas a partir de uma parceria do Pátio com o Sesc Florência de Abreu.

A primeira apresentação será realizada na última quinta-feira do mês, em 27 de fevereiro. Na data, os frequentadores do Centro poderão curtir o espetáculo do músico Robson Fernandes. Possuidor de timbre, energia e técnica irretocável, Robson Fernandes é um dos melhores gaitistas do blues contemporâneo brasileiro e eleva o estilo ao melhor nível exibido no exterior.

Com uma carreira de espetáculos em vários lugares pelo mundo, incluindo os Estados Unidos, Europa e as Américas, o músico realiza seu mais recente trabalho, “Blue Central”, com a participação de grandes músicos do Blues e do Jazz. O álbum destaca a versatilidade de estilos, como o R&B, música latina, Jazz, Rock, Funk e as vertentes tradicional e moderna do Blues.

A segunda apresentação musical será realizada na última sexta-feira de fevereiro, no dia 28. Na ocasião, o show ao vivo será do guitarrista, compositor, arranjador e intérprete, Carlos Café. O artista atua no meio musical há trinta anos. Improvisador virtuoso, ele possui um estilo único que conjuga técnica e emoção na medida exata. Em suas apresentações ao vivo mostra seu estilo pessoal de improviso que mistura rock e blues com sotaque nitidamente brasileiro. O improviso é sempre a tônica em suas performances, tornando-as únicas.

 

Serviço

Quando?

27/02 (Robson Fernandes), das 13h30 às 14h30 e 28/02 (Carlos Café), das 13h30 às 14h30

Onde?

Pátio Metrô São Bento - Praça da Colmeia.

Sobre o autor

Teve a ideia de criar o Sobreviva em São Paulo, foi lá e fez. Jornalista, trabalha com social media e gosta de uns rolês roots. Acampa no mato, sobe montanha e vive na selva de pedra. Já quis ser detetive, salvar o mundo e fugir com os ciganos. Tem uma relação de amor e ódio com São Paulo, fica para ouvir músicos de rua e corre para nunca chegar atrasada.

Comentários