São Paulo vai suspender aulas a partir de segunda

São Paulo vai suspender aulas a partir de segunda

Foi confirmada a situação de transmissão comunitária no estado de São Paulo. Por isso, o governador de São Paulo, João Dóoria (PSDB), anunciou hoje que, a partir de segunda-feira (16), as aulas serão suspensas gradualmente nas escolas públicas. As escolas particulares foram orientadas a fazerem o mesmo.

O governo estabeleceu o prazo de 10 dias para que as famílias se organizem com a dinâmica das crianças sem aulas.

“Não faremos um interrompimento de qualquer maneira, porque precisa existir um planejamento com as próprias famílias. Não adianta pararmos as aulas e deixarmos as crianças com os avós, que são o público com maior risco para a doença”, afirmou o secretário de Educação Rossieli Soares.

Além disso, o governador recomendou a suspenão de quaisquer eventos com mais de 500 pessoas. Os eventos de ordem pública já estão suspensos no estado todo. Recomendou-se que a área privada faça uma suspensão gradual.

Sobre o autor

Jornalista que, por brincadeira do destino, quase cursou biomedicina e começou publicidade e propaganda. Adora assuntos relacionados a cultura e saúde. Tem paralisia cerebral, lesão que provocou sua deficiência física, afetando também sua fala.

Comentários