Rota do Vinho em São Roque: um passeio recheado de cultura e natureza

Rota do Vinho em São Roque: um passeio recheado de cultura e natureza

Roteiro ideal para quem busca uma viagem no estilo bate-volta de São Paulo 

A rotina ficou estressante e precisa de um final de semana diferente para renovar as energias? Bem pertinho de São Paulo, a cerca de 60 km, fica localizada a cidade turística de São Roque. A região proporciona a deliciosa oportunidade de conhecer dezenas de vinícolas, viver experiências gastronômicas únicas e se divertir com a família em pleno contato com a natureza.

Pessoas que já visitaram o local garantem que é possível desfrutar das melhores adegas e atrações em um, dois ou até três dias. Essas condições fazem da Rota do Vinho em São Roque o destino ideal para um bate-volta paulistano ou, ainda, para quem foi a passeio para a capital, mas tem vontade de percorrer um itinerário histórico-cultural. 

Onde a história se constrói junto da natureza

O capitão Pedro Vaz de Barros fundou a cidade em 1657, e, ainda no começo do século XVII, a família do fundador e indígenas locais deram início ao cultivo do trigo e da uva. Logo depois, imigrantes portugueses e italianos, ao perceberem o potencial dos morros são roquenses, investiram na produção das videiras, e ajudaram a construir a fama de “Terra do Vinho”. 

Embora o status tenha atraído inúmeros visitantes, o reconhecimento como Estância Turística chegou três séculos depois, em 1990. As potências turística, artística e cultural foram importantes para a elevação do município a essa nova categoria. Afinal, fazem parte dos passeios as praças, cascatas, arquitetura histórica, estação ferroviária e o cinema de rua. 

Como aproveitar São Roque 

Ter um carro à disposição torna o passeio por São Roque mais fácil e prático. As estradas possuem boa infraestrutura, e diversos comércios oferecem estacionamento e degustações gratuitas ao longo da Estrada do Vinho. No caminho, turistas podem se deliciar com os restaurantes, que trazem pratos típicos da gastronomia portuguesa e italiana.

Na cidade existem diversas opções de carros seminovos disponíveis para aluguel. Assim, recomenda-se fazer a locação para garantir a comodidade de se deslocar com facilidade e rapidez, inclusive pelo centro histórico da cidade. 

Principais atrações

Agradáveis aos turistas em todas as estações do ano, as vinícolas da Rota do Vinho atestam lazer para públicos de diferentes perfis. A Vinícola Ferreira e Passero, por exemplo, possui uma casa de 200 anos, totalmente restaurada. As degustações dos vinhos acontecem nesse espaço, que promove uma verdadeira viagem no tempo. 

Quem aprecia a culinária portuguesa precisa passar na Quinta do Olivardo, onde são servidos pastéis de belém e bolinhos de bacalhau com queijo, e em outras quitandas. Agora, casais com crianças vão encontrar diversos estabelecimentos com playgrounds e atrações infantis, como as do Restaurante Itacolomy e da Villa Don Patto. 

Se não sabe quando programar a viagem, siga o cronograma dos grandiosos eventos sazonais. A Festa Italiana costuma ocorrer em junho e julho; a Expo São Roque, de outubro a novembro; e a Pisa das Uvas, entre janeiro e fevereiro.

Sobre o autor

Desenvolvi a identidade visual do Sobreviva em São Paulo e criei o blog quando a página no Facebook tinha mais ou menos um ano. Atualmente, além de produzir contéudo para o blog e cuidar do back-end, tenho foco no gerenciamento dos perfis do Instagram e Pinterest. Sou graduado em publicidade e propaganda, pós graduado em gestão empresarial e marketing pela ESPM e trabalho em uma agência de publicidade.

Comentários