Exposição “John Lennon em Nova York por Bob Gruen” reabre para visitação no MIS

Exposição “John Lennon em Nova York por Bob Gruen” reabre para visitação no MIS

Muito popular em 2020, mesmo com a pandemia, a exposição John Lennon em Nova York por Bob Gruen volta a ficar em cartaz e reabre para visitação presencial no MIS (Museu da Imagem e do Som) a partir de amanhã (15) até o dia 31 deste mês.

Por meio de uma curadoria inédita para o Brasil, a exposição “John Lennon em Nova York por Bob Gruen” traz fotografias feitas por Bob Gruen, um dos maiores fotógrafos da cena rock’n’roll, que documentam a vida de John Lennon no período em que ele morou na cidade de Nova York.

As imagens de Gruen exploram não apenas a relação de Lennon com Yoko Ono durante os anos 1970, mas também suas diferentes facetas: pai, ex-Beatles e rockstar no auge da fama. Além dos excessos, dos shows e das festas, as fotografias apresentam os seus momentos de intimidade e lançam um olhar aprofundado sobre a pessoa por trás da imagem de ídolo internacional aclamado até hoje.

John Lennon (foto: Bob Gruen)

A exposição tem classificação etária livre e marca os 80 anos de nascimento e 40 anos de legado de John Lennon, além de integrar a programação comemorativa dos 50 anos do MIS.

Interessados podem visitar a exposição às sextas, das 14h às 18h; e aos sábados e domingos, das 12h às 16h. Às sextas, a visitação é gratuita, mas para os outros dois dias são cobrados ingressos de R$ 30,00 (entrada inteira) e R$ 15,00 (meia-entrada), podendo ser adquiridos antecipadamente por este link, com agendamento de data e horário. Vale ressaltar que a bilheteria presencial está temporariamente fechada. O MIS (Museu da Imagem e do Som) fica na Av. Europa, 158 – Jd. Europa e está aberto seguindo protocolos de saúde e segurança estipulados por órgãos de saúde.

Para saber mais sobre o museu e as condições de visitação, incluindo as medidas de higiene e distanciamento adotadas, clique aqui.

Sobre Bob Gruen
Bob Gruen é um dos fotógrafos mais conhecidos e respeitados do rock’n’roll. De John Lennon a Johnny Rotten; de Muddy Waters aos Rolling Stones; de Elvis a Madonna; de Bob Dylan a Bob Marley; de Tina Turner a Debbie Harry, ele capturou a cena musical durante mais de quarenta anos em fotografias que se tornaram reconhecidas mundialmente.

 

Observação: o Sobreviva em São Paulo não se responsabiliza por possíveis mudanças nas informações acima, que são válidas até esta data.

Sobre o autor

Publicitário, especializado em Marketing e Comunicação Integrada. Amante da vida, encantado por pessoas e suas singularidades. Fã inveterado de filmes de terror, ouvinte assíduo de música jamaicana e rock pesado. E, claro: Vai, Corinthians!

Comentários