Mobilidade articular: aprimore a sua com exercícios físicos adequados

Mobilidade articular: aprimore a sua com exercícios físicos adequados

Muitos tipos de treinamento, com diferentes objetivos, fazem parte da rotina de quem costuma praticar exercícios físicos para manter a saúde corporal em dia.

A melhora da mobilidade articular é um dos principais benefícios que alguns exercícios – se forem feitos corretamente – podem trazer ao praticante. Mas você sabe como exercícios de mobilidade articular auxiliam na saúde corporal? A educadora física e personal trainer paulistana Cíntia Pereira (@cintiapereirapersonal) explica: “Exercícios de mobilidade ajudam a melhorar a qualidade da amplitude do movimento, auxiliando a evitar sobrecargas que podem levar a lesões, e vão além disso, melhoram os treinos, a consciência corporal, a postura nas atividades físicas e no dia a dia“.

A profissional ainda conta sua própria experiência com exercícios de mobilidade articular: “Há pouco mais de um ano comecei de fato a praticar mobilidade pelo menos 3 vezes por semana, enquanto dava aulas online para um grupo de colaboradores de uma empresa. Desenvolvi o Funcional Laboral, uma mistura de tudo que quem estava em casa, de home office, incluindo eu mesma, precisava. Nele, inseri alongamento e treinos de mobilidade. Desde então, venho sentindo na pele os benefícios que esses treinos, aliados aos treinos de musculação, têm me proporcionado“.

E o melhor é que, segundo Cíntia, exercícios de mobilidade articular podem ser feitos – da forma correta – por qualquer pessoa, principalmente por quem já pratica alguma atividade física. “Mobilidade articular não tem contraindicação, todo mundo pode fazer independente da atividade física que pratica“, pontua ela. Porém, a educadora física alerta: “Mas cuidado: exercícios de mobilidade podem não surtir o efeito desejado se forem feitos de qualquer jeito ou por profissional não capacitado pra isso“.

Veja a seguir alguns exercícios de mobilidade articular, mostrados pela educadora física Cíntia Pereira, que você pode fazer na academia ou até mesmo em casa, em espaço adequado e, se possível, com o acompanhamento de um profissional:

1° exercício:

2° exercício:

3° exercício:

4° exercício:

5° exercício:

6° exercício:

Foto de topo e vídeos: Arquivo pessoal/Cíntia Pereira (@cintiapereirapersonal)

Sobre o autor

Publicitário, especializado em Marketing e Comunicação Integrada. Amante da vida, encantado por pessoas e suas singularidades. Fã inveterado de filmes de terror, ouvinte assíduo de música jamaicana e rock pesado. E, claro: Vai, Corinthians!

Comentários