Base Jump acontece no Ed. Martinelli durante a Virada Esportiva

Base Jump acontece no Ed. Martinelli durante a Virada Esportiva

BASE Jumpers vão saltar do primeiro arranha-céu brasileiro neste final de semana durante a Virada Esportiva – E o Parque do Carmo ainda receberá Adrena Park com atrações participativas para o público

Neste final de semana, um dos prédios mais icônicos do centro de São Paulo será palco de um desafio radical: a Copa América de Base Jump. O Edifício Martinelli, com 105 metros de altura, será o ponto de partida de paraquedistas/BASE Jumpers que vão saltar do primeiro arranha-céu de São Paulo, inaugurado em 1929, para competir pelo título. A atração faz parte da Virada Esportiva de São Paulo.

O B.A.S.E (Building, Antenna, Span and Earth) Jump consiste em um salto de paraquedas realizado a partir de objetos fixos, como prédios e pontes, e não de aeronaves, como é tradicional. Atualmente, o esporte conta com diversas competições e atletas pelo mundo. Com saltos de tirar o fôlego, o Base Jump chama atenção pelas exibições contagiantes e cheias de adrenalina para quem salta e para os espectadores.

Para que o evento aconteça com segurança e nas condições ideais aos competidores, em caso de mau tempo a Copa América de Base Jump será no domingo. Apesar de pouco conhecido pelo público, o Brasil conta com grandes nomes do esporte. Nesta edição, a competição contará com a presença de atletas de renome nacional e internacional: Gabriel Lott, Gleison Barion, Rafael Conti, Rodrigo Cricket.

Assim como em todo esporte, os saltos serão avaliados de acordo com regras para decidir o campeão dessa edição. No Base Jump as regras são:

  • Saída estável: pés paralelos e corpo simétrico
  • Tempo de queda livre: não pode passar de 1 segundo (se passar de 2 segundos perde-se ponto, passando de 2,5 segundos o atleta é desclassificado)
  • Abertura do velame limpa
  • Pouso no alvo, o atleta não pode colocar joelho e mãos no chão.

As atividades participativas acontecerão no Adrena Park no Parque do Carmo com atrações como carrossel, cama-elástica, piscina de bolinhas, enquanto isso, os adolescentes e adultos poderão se arriscar na mega tirolesa, no slackline ou no laser combat. Além disso, haverá o Bunge Run e o Boulder, para pequenas escaladas.

A Virada Esportiva faz parte do calendário oficial da cidade e tem como objetivo promover a prática de atividades físicas, esporte e lazer, além de combater o sedentarismo e estimular a ocupação dos espaços públicos pela população. O evento é uma iniciativa da Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEME).

 

SERVIÇO
Copa América de Base Jump
Data: 04 ou 05 de dezembro (de acordo com as condições meteorológicas) 
Horário: Das 11h00 às 17h00
Local: Edifício Martinelli

Atividades participativas
(Entrada gratuita, menores de 18 anos precisa ter um maior responsável acompanhando).
Data: 04 e 05 de dezembro (de acordo com as condições meteorológicas) 
Horário: Das 10h00 às 18h00
Local: Parque do Carmo – Avenida Afonso de Sampaio Souza, 951

Foto em destaque: Daniel Valenti

Sobre o autor

Teve a ideia de criar o Sobreviva em São Paulo, foi lá e fez. Jornalista, trabalha com social media e gosta de uns rolês roots. Acampa no mato, sobe montanha e vive na selva de pedra. Já quis ser detetive, salvar o mundo e fugir com os ciganos. Tem uma relação de amor e ódio com São Paulo, fica para ouvir músicos de rua e corre para nunca chegar atrasada.

Comentários