Ri Happy e PBKids oferecem delivery de brinquedos por WhatsApp

Ri Happy e PBKids oferecem delivery de brinquedos por WhatsApp

Nesse período de medidas protetivas contra a disseminação do novo coronavírus, em que muitas lojas pela cidade de São Paulo estão fechadas temporariamente e sem previsão de retorno às atividades, a Ri Happy e a PBKids – as duas redes de lojas de brinquedos mais conhecidas dos paulistanos – estão oferecendo o serviço de delivery de brinquedos em praças específicas do município e ainda em cidades próximas, como Osasco, Santos e Santo André. É a chance de você presentear seu filho, sobrinho ou afilhado pelo aniversário dele sem ter que sair de casa. E o brinquedo pode chegar direto na casa da criança, se ela for moradora de uma das regiões abrangidas.

E como as lojas fazem isso? Pelo WhatsApp! Mas vale ressaltar que esse serviço é válido apenas para compras superiores a R$ 99,00.

Segundo as duas redes varejistas, no serviço delivery por WhatsApp são praticados os preços das lojas físicas, diferentes dos preços dos sites oficiais. O interessado deve consultar os valores dos produtos almejados pelo número de WhatsApp que atende sua região. Além disso, para esse serviço específico, os produtos são entregues no dia seguinte da compra, exceto aos domingos.

Além das cidades paulistas citadas acima, outros municípios do estado atendidos pelo serviço são Campinas e São José do Rio Preto. Pelo Brasil, mais diversas cidades são atendidas. Para consultar a lista de cidades e regiões e seus respectivos números de WhatsApp para atendimento, clique aqui. A Ri Happy e a PBKids esclarecem que todos os números tem o DDD 11 por serem corporativos.

Fonte: Ri Happy

Observação: o Sobreviva em São Paulo não se responsabiliza por possíveis mudanças nas informações acima, que são válidas até esta data.

Sobre o autor

Publicitário, especializado em Marketing e Comunicação Integrada. Amante da vida, encantado por pessoas e suas singularidades. Fã inveterado de filmes de terror, ouvinte assíduo de música jamaicana e rock pesado. Vive uma relação de amor e ódio com São Paulo. E, claro: Vai, Corinthians!

Comentários