Terceiro Hospital Veterinário Público de São Paulo começa a funcionar

Terceiro Hospital Veterinário Público de São Paulo começa a funcionar

Começou a funcionar ontem (17), na Zona Sul da capital paulista, o terceiro Hospital Veterinário Público de São Paulo. Assim como os dois hospitais veterinários públicos inaugurados anteriormente na cidade, localizados nas zonas Norte e Leste, a nova unidade oferece serviços gratuitos de consultas, cirurgias, exames laboratoriais e de imagem, medicação e internação aos animais. Entre as oitos especialidades oferecidas gratuitamente, estão a neurologia, cardiologia, ortopedia e oncologia. Vale ressaltar que o local atende apenas cães e gatos e que não está disponível o serviço de castração, que a Prefeitura da cidade oferece sem custos em outro programa, por meio de clínicas veterinárias contratadas.

A manhã do primeiro dia de funcionamento do hospital foi marcada pelo grande número de pessoas que aguardavam com seus animais para serem atendidas. O sistema de atendimento é feito por senhas. O horário de funcionamento é das 7h às 17h, e é aconselhável chegar o mais cedo possível para evitar longas esperas.

O hospital é disponível gratuitamente para todos os munícipes da capital paulista e o interessado em levar seu cão ou gato para atendimento deve comparecer à unidade levando RG, CPF e comprovante de endereço. Por dia, são distribuídas 40 senhas. Demais casos são analisados pelos médicos veterinários, que dão prioridade a atendimentos de urgências e emergências.

O terceiro Hospital Público Veterinário inaugurado pela Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo fica na Rua Agostino Togneri, 153 – Jurubatuba, próximo à estação Jurubatuba (Linha 9-Esmeralda da CPTM) e do Shopping SP Market.

Fonte: Prefeitura de São Paulo

 

Observação: o Sobreviva em São Paulo não se responsabiliza por possíveis alterações nas informações acima, que são válidas até a data de publicação.

Sobre o autor

Publicitário, especializado em Marketing e Comunicação Integrada. Amante da vida, encantado por pessoas e suas singularidades. Fã inveterado de filmes de terror, ouvinte assíduo de música jamaicana e rock pesado. E, claro: Vai, Corinthians!

Comentários