Knotfest Brasil é oficialmente adiado para 2022

Knotfest Brasil é oficialmente adiado para 2022

Um dos grandes festivais musicais no Brasil que gerava expectativa sobre um possível adiamento ou cancelamento devido à pandemia, o Knotfest, que aconteceria neste ano pela primeira vez no país – configurando o Knotfest Brasil – foi oficialmente adiado para o próximo ano. Durante os últimos meses, a situação da pandemia no Brasil vinha sendo monitorada constantemente pela direção do festival, que concluiu que o momento ainda é delicado e não há uma efetiva segurança do público, equipe de produção, bandas e artistas. Pensando nisso, chegou-se à conclusão de que a melhor decisão seria o adiamento do festival para uma nova data, já definida: 18 de dezembro de 2022, quase 1 ano após a data inicial (19/12/21). O adiamento foi divulgado também pelo Slipknot, banda criadora do festival, em suas redes sociais.

A data mudou, mas o local permanece o mesmo: o Sambódromo do Anhembi (Av. Olavo Fontoura, 1209 – Santana), na Zona Norte de São Paulo. Os ingressos já adquiridos para a data deste ano continuam válidos para a nova data e todos os benefícios serão mantidos ao público que comprou – como ingressos de meia-entrada legal, no caso de estudantes, por exemplo.

Para a nova data do Knotfest Brasil, além da manutenção do Slipknot como headliner, o evento contará com outras nove bandas e 12 horas de duração – conforme aconteceria neste ano. A novidade é que o line-up completo do festival já tem data para ser divulgado: 17 de agosto deste ano, conforme anúncio feito junto com o adiamento.

Quem quiser garantir ingressos para a primeira edição do Knotfest Brasil, que acontece em 18/12/2022, deve acessar www.eventim.com.br/artist/knotfest-2022.

 

Observação: o Sobreviva em São Paulo não se responsabiliza por possíveis mudanças nas informações acima, que são válidas até a data de publicação.

Sobre o autor

Publicitário, especializado em Marketing e Comunicação Integrada. Amante da vida, encantado por pessoas e suas singularidades. Fã inveterado de filmes de terror, ouvinte assíduo de música jamaicana e rock pesado. E, claro: Vai, Corinthians!

Comentários