10 lugares para amantes de livros conhecerem em São Paulo

10 lugares para amantes de livros conhecerem em São Paulo

Às vezes não precisamos saber só onde fica “as melhores bibliotecas da cidade”, mas de lugares legais que além de livros, podemos encostar e relaxar a mente para a leitura. Por isso, selecionamos alguns lugares que todo amante de livros precisa conhecer em São Paulo:

#01 Casa Guilherme de Almeida

Fundado em 1979, a Casa Guilherme de Almeida é um museu biográfico-literário, que está instalado na residência onde Guilherme de Almeida viveu, conhecida como Casa da Colina, situada no bairro do Pacaembu. A casa possui um grande acervo, em que se destaca sua ampla e diversificada biblioteca, bem como uma significativa coleção de obras de arte de grandes expoentes do modernismo brasileiro como Tarsila do Amaral, Anita Malfatti, Di Cavalcanti, Lasar Segall e Victor Brecheret, muitas das quais oferecidas ao poeta pelos próprios autores. Saiba mais aqui.

#02 Instituto Goethe

O Goethe-Institut é uma instituição alemã sem fins lucrativos que tem por objetivo divulgar, em especial em países não falantes do idioma alemão, a língua alemã e promover o intercâmbio cultural internacional. Por meio de programas culturais e educacionais promove o diálogo intercultural, o instituto a participação cultural e a mobilidade global. Saiba mais aqui.

#03 SESC Pompéia

O Sesc Pompeia é um centro de cultura e lazer localizado no bairro Vila Pompéia, que reúne teatros, quadras poliesportivas, piscinas, lanchonetes, restaurantes, espaços de exposições, choperia, oficinas, área de leitura e internet livre, entre outros serviços. Seu projeto arquitetônico foi desenvolvido pela arquiteta Lina Bo Bardi, em 1977. Saiba mais aqui.

#04 Biblioteca Mário de Andrade

Detentora do segundo maior acervo documental e bibliográfico do país, foi a primeira e é a principal biblioteca pública da cidade, em homenagem a um dos maiores nomes da literatura nacional. Fundada em 1925, a partir do acervo da Câmara Municipal, consolidou-se ao longo de sua história como uma das mais importantes instituições culturais brasileiras. Saiba mais aqui.

#05 Reserva Cultural

A Reserva Cultural conta com um restaurante, uma lanchonete, salas de cinema e uma livraria. Localizada embaixo do prédio da Gazeta, o cinema possui uma programação voltada ao melhor do circuito alternativo, vale também visitar o espaço pela livraria e café, que são um charme. Saiba mais aqui.

#06 CCSP

O Centro Cultural São Paulo é considerado um dos principais espaços culturais da cidade e uma das primeiras instituições de São Paulo a ser considerada “centro cultural” na acepção plena da palavra. Foi inaugurado em 1982 e possui quatro pavimentos e diversas bibliotecas, musicoteca e ainda uma gibiteca. Saiba mais aqui.

#07 Livraria Cultura

Localizada no Conjunto Nacional, desde 1969, é a maior livraria do país, com mais de quatro mil metros quadrados, distribuídos em três pisos e conta com um acervo com cerca de 150 mil títulos. Na livraria também está localizado o Teatro Eva Herz em homenagem à fundadora da livraria que teve sua primeira loja na Rua Augusta, antes de ir para a Avenida Paulista. Saiba mais aqui.

#08 Casa das Rosas

A Casa das Rosas é um casarão no estilo clássico francês, localizado na Avenida Paulista. É dedicado a diversas manifestações culturais, com enfoque em literatura e poesia. É um dos edifícios remanescentes da época característica da ocupação inicial de uma das principais vias da cidade. Saiba mais aqui.

#09 Casa Mário de Andrade

A Casa Mário de Andrade é um imóvel na cidade de São Paulo onde viveu um dos principais escritores e intelectuais do Modernismo e da Semana da Arte Moderna no Brasil, em 1922, Mário de Andrade. Atualmente funciona como a Oficina Cultural Casa Mário de Andrade, cuja programação é voltada para o teatro e literatura. Desde 2015, a casa se tornou um museu onde são expostos seus óculos, cartas inéditas, sua pasta de couro e outros itens característicos de Mário de Andrade. Saiba mais aqui.

#10 Centro Universitário Maria Antônia

O Maria Antonia, como é conhecido, ocupa a antiga sede da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo, juntamente com o Teatro da USP, em um conjunto de edifícios considerado patrimônio histórico da cidade e promove exposições de arte moderna e contemporânea, cursos na área de humanidades, seminários, debates e outros eventos, com destaque para o diálogo entre as diversas linguagens artísticas. Saiba mais aqui.

Fonte: BuzzFeed

Sobre o autor

Desenvolvi a identidade visual do Sobreviva em São Paulo e criei o blog quando a página no Facebook tinha mais ou menos um ano. Atualmente, além de produzir contéudo para o blog e cuidar do back-end, tenho foco no gerenciamento dos perfis do Instagram e Pinterest. Sou graduado em publicidade e propaganda, pós graduado em gestão empresarial e marketing pela ESPM e trabalho em uma agência de publicidade.

Comentários