Beco do Batman recebe obras de drenagem e no pavimento e calçadas

Beco do Batman recebe obras de drenagem e no pavimento e calçadas

O Beco do Batman, importante ponto turístico da cidade de São Paulo, está recebendo obras de drenagem e melhorias no pavimento e em calçadas. As ações, realizadas pela Subprefeitura de Pinheiros, tiveram início na última semana e são importantes para evitar o acúmulo de água e manter a via regular para os moradores do entorno e visitantes. Segundo a prefeitura, é a primeira vez que o local recebe rampa acessível.

A subprefeitura iniciou a implantação de ramal de galeria pluvial, com o intuito de solucionar o empoçamento de água no Beco do Batman. O problema acontece devido a uma nascente de mina d’água, que provocava o acúmulo de água na via. Para melhorar a vasão em dias de chuva e aumentar o espaço de passagem das pessoas, a contenção de acesso aos veículos, que antes era feita por malotões, foi substituída por madeira.

Além disso, as obras também contemplaram o reparo em calçadas, com a retirada de obstáculos e a construção de rampa de acessibilidade na entrada da Rua Harmonia, e adequação da via em paralelepípedo, mantendo o pavimento original. As intervenções são realizadas por duas equipes contratadas para o serviço.

Equipes de zeladoria também estão no Beco do Batman realizando o corte de mato e grama e a conservação dos dois jardins de chuva existentes no local. De acordo com a prefeitura, essa modalidade de área verde é uma das ações criadas para ampliar a drenagem da cidade com a permeabilização do solo e, consequentemente, reduzir os pontos de alagamentos.

Fonte: Secretaria Especial de Comunicação/ Prefeitura de São Paulo

Foto de topo: Leon Rodrigues/SECOM

 

Observação: o Sobreviva em São Paulo não se responsabiliza por possíveis mudanças nas informações acima, que são válidas até a data de publicação.

Sobre o autor

Publicitário, especializado em Marketing e Comunicação Integrada. Amante da vida, encantado por pessoas e suas singularidades. Fã inveterado de filmes de terror, ouvinte assíduo de música jamaicana e rock pesado. E, claro: Vai, Corinthians!

Comentários