Lanches e sanduíches leves pro verão

Lanches e sanduíches leves pro verão

O verão está chegando! Aproveitando que as tardes estão ficando mais gostosas, fizemos uma seleção de casas que servem lanches leves que podem ser acompanhados de um drink para retomar o happy hour!

Luce serve sanduíches que podem ser montados em uma massa fina de pizza ou em um croissant “fatto in casa”. O Carpaccio (R$ 58) leva carpaccio de filé mignon, abobrinhas, emulsão de trufas, rúcula selvagem, queijo Parmigiano Reggiano DOP e cogumelos crocantes. O Parma (R$ 59) é feito com presunto parma DOP, fior di late, tomate confit, pesto e rúcula selvagem.

No restaurante Josephine, o Napoleao II (R$ 52 – foto em destaque), tem salmão defumado, cream cheese, alface, limão e pimenta do reino no pão folha.

No bar Levels os destaques ficam para o Sanduíche de pato (R$48) feito com pão de miga, presunto de pato, cebola roxa e aioli de laranja, e a Piadina Salmão (R$54) com piadina, salmão, avocado, rúcula selvagem e creme azedo

    

Serviço

Luce:
Endereço:  Rua Oscar Freire, 45. Telefone: (11) 99457-4554
Delivery pelo WhatsApp 99457-4554 – no Instagram @lucetrattoria está o link que dá acesso ao cardápio
Não é obrigatório fazer reserva, mas os lugares estão sujeitos à espera.
Horário de funcionamento: das 12h às 21h
Horário de funcionamento do delivery: das 12h às 22h

Josephine:
Rua Jacques Felix 253, Vila Nova Conceição. Telefone: 3842-5891/ whatsapp: 96475-8988
Funcionamento: segunda a quinta, das 11h30 às 23h. Sexta, das 11h30 à 0h. Sábado, das 12h à 0h. Domingo e feriado, das 12h às 22h.

Levels
Rua Dr. Mario Ferraz, 507, Itaim. Telefone: 3167-7773
Reservas à partir das 10h pelo telefone 3167-7773
Funcionamento: terça e quarta, das das 12h às 15h e das 18h às 23h. Quinta e sexta, das 12h às 15h e das 18h à 0h. Sábado das 12h à 0h. Domingo, das 12h às 18h

 

Imagem em destaque cedida pela assessoria

 

Sobre o autor

Teve a ideia de criar o Sobreviva em São Paulo, foi lá e fez. Jornalista, trabalha com social media e gosta de uns rolês roots. Acampa no mato, sobe montanha e vive na selva de pedra. Já quis ser detetive, salvar o mundo e fugir com os ciganos. Tem uma relação de amor e ódio com São Paulo, fica para ouvir músicos de rua e corre para nunca chegar atrasada.

Comentários