Instituições Culturais de SP tiveram público virtual superior a 24 milhões em 2020

Instituições Culturais de SP tiveram público virtual superior a 24 milhões em 2020

Segundo publicado no site do Governo de SP, a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo recebeu um público total de 24.230.982 nas ações virtuais dos espaços culturais e projetos artísticos do Governo do Estado em 2020. Desse número, 12.904.452 são correspondentes às ações da Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico, 7.292.915 referentes aos projetos da Unidade de Difusão Cultural, Bibliotecas e Leitura e 4.033.615 dos programas da Unidade de Formação Cultural.

“Apesar do ano de 2020 ter sido marcado por muitos desafios e reinvenções em diversos setores, entre eles o cultural e de economia criativa, que estão entre os mais prejudicados pela pandemia da Covid-19, temos que celebrar a participação do público virtual nas atividades da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo”, afirmou o secretário Sérgio Sá Leitão.

“Com a necessidade de isolamento social, as atividades dos espaços foram remanejadas para a forma híbrida, seguindo protocolos de segurança e higiene para, assim, ampliar o acesso da população. Umas das ações realizadas pela pasta foi a criação da plataforma CulturaEmCasa, que em 8 meses no ar foi vista 2,5 milhões de vezes por 900 mil usuários únicos de 130 países de abril a dezembro de 2020”, completou Sá Leitão.

As cinco instituições que receberam o maior número de público são: Pinacoteca do Estado (4.040.181); Museu da Diversidade Sexual (2.368.928); Museu da Imagem e do Som (1.989.110); Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp (1.704.033); e Museu da Imigração (1.385.799).

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Foto de topo: divulgação

Sobre o autor

Publicitário, especializado em Marketing e Comunicação Integrada. Amante da vida, encantado por pessoas e suas singularidades. Fã inveterado de filmes de terror, ouvinte assíduo de música jamaicana e rock pesado. E, claro: Vai, Corinthians!

Comentários